A AEMITEQ, Associação para a Inovação Tecnológica e Qualidade, é uma Instituição Privada de Utilidade Pública, fundada em 1990 por iniciativa da Universidade de Coimbra (UC), do Instituto de Engenharia e Tecnologia Industrial (INETI), da PHILIPS Portuguesa, da Associação Comercial e Industrial de Coimbra (ACIC) e pela Associação para o Desenvolvimento Tecnológico (NOVOTECNA), e que integra na Sistema Científico e Tecnológico Nacional como infra-estrutura de apoio à Indústria e à Comunidade no domínio da química, especializada em controlo químico da qualidade, tem sede em Coimbra onde exerce a sua actividade desde 1994.

Integra a Comissão Sectorial de Laboratórios de Alimentos, Agro-alimentar e Águas da RELACRE, comissão responsável pela análise e elaboração de documentos técnicos e guias normativos posteriormente a publicar pelo IPAC, de forma a regulamentar a actividade e é Laboratório Apto pela ERSAR.

Nas suas instalações laboratoriais são desenvolvidos trabalhos fundamentados na química analítica sobre: controlo químico de matérias-primas e produtos; composição de produtos naturais; controlo da qualidade de águas; análise de resíduos industriais e urbanos; determinações analíticas em materiais biológicos; desenvolvimento de métodos analíticos e química fina.

Através do seu Laboratório de Controlo Químico de Qualidade a AEMITEQ dispõe de infra- estruturas de análise químicas dotadas de equipamentos e pessoal técnico qualificados em modernas técnicas de análise química, designadamente, espectrofotometria de absorção atómica (chama, grafite e gerador de hidretos), emissão atómica em plasma óptico e acoplado a espectrometria de massa (ICP/MS), espectrofotometria de infravermelho por transformada de Fourier (FTIR), espectrofotometria de absorção molecular de ultravioleta/visível (EAM- UV/Vis), cromatografia (GC-ECD, GC-MS/MS, HPLC e Iónica) e em diferentes técnicas clássicas de análise química.

A AEMITEQ desenvolve estudos e projectos no âmbito da execução de planos de monitorização da qualidade de águas, avaliação de impacto da descarga de efluentes no meio receptor, acompanhamento técnico na exploração de ETAR, diagnósticos ambientais, estudos de impacto ambiental e definição e execução de programas de monitorização ambiental. As suas competências permitem-lhe também proceder à avaliação do impacto da conservação e valorização de monumentos, ao desenvolvimento de métodos analíticos aplicados no controlo da qualidade e à validação de metodologias de análise de controlo químico da qualidade.

No apoio à indústria merecem destaque os estudos de estabilidade de produtos farmacêuticos e de produtos de uso veterinário (PUV), a monitorização analítica no desenvolvimento de novos produtos, o suporte técnico-científico em problemas de fármacos decorrentes na produção industrial e outros de origem diversa também decorrentes de produções industriais, complementada pela consultoria para a implementação e validação de métodos analíticos e para a interpretação de resultados analíticos relativos a processos industriais.

A AEMITEQ iniciou durante 2014 um percurso com uma nova Direcção e uma remodelação dos seus corpos técnicos. Fruto da sua ligação institucional com a Universidade de Coimbra a montante e a jusante com diferentes entidades empresariais dentro do espectro sectorial das águas, indústria e ambiente, a AEMITEQ iniciou durante o segundo semestre de 2014 um processo de maturação institucional vocacionado para a sua componente I&DT com a assinatura em 29 de Julho de um Memorando de Entendimento para a criação de um Centro de Investigação, Demonstração e Qualificação Química e Ambiental.

O projecto, designado por IDQ (Investigação, Demonstração e Qualificação), junta numa primeira fase a AEMITEQ e a UNICAM – Sistemas Analíticos, Lda., associado de longa data,

devendo a partir deste centro desenvolver um conjunto lato de parcerias institucionais e empresariais a partir de 2015 por forma a particularizar os objectivos de desenvolvimento da AEMITEQ no contexto do mercado onde se enquadram as suas competências-chave, abrindo a porta à internacionalização.

Nesse sentido, e cumprindo o preconizado no Projecto IDQ, no primeiro semestre de 2015 a AEMITEQ estendeu o seu raio de acção para áreas estratégicas consideradas chave, quer do ponto de vista geográfico, quer do ponto de vista técnico-científico. A assinatura de dois Protocolos de Cooperação, um com a Universidade da Beira Interior e outro com um Laboratório de ensaios do ramo Agro-alimentar da mesma região, tem por objectivo a criação de um Laboratório de Referência e de um Centro de Investigação de Excelência no ramo Agro-alimentar, pretendendo assim dar resposta com serviços exclusivos, inexistente até à data em Portugal. Este é um dos sectores em que a AEMITEQ pretende diferenciar a sua actuação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *